sábado, 9 de março de 2013

Ai...ai...ai...a casa!!!



                                      housework20cartoon.jpg (129×149)


A rotina doméstica é, sem qualquer dúvida, o setor da minha vida, que depende de mim, em que me sinto mais descontente, menos à vontade e com menos vontade. Vejo-o,  neste momento, como uma curva perigosa em que me arrisco a acidente grave...! E não...não é por falta de quase insane  leitura sobre o tema, em livros ou blogues da especialidade, aliás foi mesmo por aí que começou a minha investida pelo mundo da blogosfera...por uma busca agressiva de novos métodos, novas dicas que me ajudassem a encontrar a solução ideal para mim...a... finalmente dominar a casa, sem deixar que ela me domine a mim... invada os meus pensamentos a horas incautas...faça crescer um racionalmente incompreensível sentimento de culpa...me tire verdadeiramente do sério...me deixe de nervos esfrangalhados ...furiosa e fora de controle....! Pronto...já desabafei ...passemos à frente..! E sim tenho absorvido quilos de sabedoria na matéria, adaptado e até experimentado muitas propostas...Mas não...tenho de admitir...não encontrei ainda a rotina ideal para mim!
Em minha defesa devo dizer que não é fácil...(que quem não perceba isto atire a primeira pedra), uma família de quatro pessoas, em que duas delas têm menos de 10 anos, uma casa de dimensão razoável, atualmente nenhuma ajuda externa, vida profissional agitada, compromissos extra-horário profissional para conseguir corresponder às atividades dos mais novos e à sua vida «social», agitada! Quem tem filhos da idade dos meus percebe ao que me refiro...ele são as festinhas dos amiguinhos, os treinos suplementares para o sarau da rítmica da P, ou da apresentação de bateria do F...e sei lá mais o quê..mas muito! Depois vêm as consultas, as reuniões na escola, os trabalhos de casa deles, e aqueles que a escola agora muitas vezes inventa para os pais (temos de falar disto um dia)...e um mundo de imprevistos que nos aterra em cima todos os dias! Naqueles dias que era suposto para além de garantirmos os mínimos (manter a casa em funcionamento), deveríamos dedicar-nos a organizar verdadeiramente o espaço de que tanto depende a nossa harmonia pessoal e familiar (sim claro... eu sei isso), a torná-lo prático mas confortável...utilizável e lindo...instaladas já as rotinas da sua manutenção nos nossos hábitos sem esforço!
Eu ...estou longe de o conseguir, mas pronta para me comprometer a melhorar...a estabelecer a partir daqui deste meu espacinho blogosférico (mais uma coisa que arranjei para me ocupar as horas do dia...)aos sábados...uma missão por semana...partindo de uma nova perspetiva ...eficaz mas isenta de culpa, pelo menos assim o espero!
Assim para começar e por que o tempo urge, hoje vou dedicar-me a destralhar uma divisão da minha casa...! Sim conheço a palavra e o conceito..e devo dizer que adoraria que este encaixasse que nem uma luva na minha maneira de ser...mas não...assim  vou ter de procurar a minha própria fórmula  para destralhar!
E sem mais perdas de tempo cá vou eu...desejem-me sorte...vou precisar!
Voltarei mais tarde para vos contar como correu e como fiz! Quem sabe  se debatem com os mesmo problemas e a minha experiência vos pode ser útil?

Fiquem bem e até logo!

Maria

10 comentários:

  1. Obrigada pelo apoio. Bom Dia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita!
      Excelente resto de dia!
      Maria

      Excluir
  2. Pois ... as tarefas do lar não são nada fáceis e quando trabalhamos fora de casa, ainda pior, se não houver um sistema e hábitos de organização, a coisa descamba mesmo.

    Por acaso, organização é coisa que faz parte de mim, não consigo sentir-me bem com desordem ao pé, por isso desde sempre estipulei lugar para tudo, de forma que quem tira algo do lugar, volta a arrumar depois, é claro que os outros 3 nem sempre cumprem, mas se eu tiver de tomar a frente, não custa tanto arrumar, uma vez que cada coisa tem seu lugar.

    Entretanto estou desempregada, sustentar creche para dois não dá e resolvemos que economizamos mais estando eu em casa, já que não temos aquele grande apoio chamado "avós". Desde então tenho destralhado a casa, depois de vários anos a trabalhar fora, comecei a 3 anos e ainda não está bem como quero, mas sem dúvida muitíssimo melhor, de início custa nos desprender de algumas coisas, mas depois descobrimos a maravilha que é.

    Boas arrumações então...
    Patricia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patricia
      Obrigada pelo testemunho de quem sabe do que fala!
      Tenho alguns problemas com o destralhamento, pelo menos com alguns tipos de destralhamento, mas concordo que é prioritário para qualquer organização.
      Bom fim de semana e mais uma vez obrigada pela visita!
      Maria

      Excluir
  3. Olá Maria,
    podes não acreditar mas a organização cá em casa começou mesmo pelo destralhar. Não foi fácil, já que eu era ( agora já não sou assim) daquelas pessoas que guardavam tudo porque podiam vir a precisar mais tarde, e falo desde roupas a objectos de decoração e até mesmo revistas, escusado será dizer que os móveis cá de casa não chegavam para tanta tralha, o que me valia era o facto de ter um anexo com alguns móveis e muitas prateleiras que depressa ficaram cheias. Quando pensei em começar a destralhar, comecei pelos roupeiros e que alivio, fiquei com muito espaço livre, fiquei tão contente com o resultado que implementei logo uma regra que serve para os três, que é sempre que se adquirir uma peça de vestuário temos que nos desfazer de outra, é muito fácil cumprir já que só compro roupa por necessidade, o capitulo de comprar por impulso há muito que se fechou na minha vida. Aos poucos fui arrumando os móveis, e agora tenho tudo muito mais arrumado e com muito espaço disponível. Os moveis do anexo também estão vazios e só depois passei para o plano de organização e limpeza da casa, até agora tem corrido bem mas tenho consciência que se trabalhasse fora tudo seria mais complicado, por isso aconselho a que vás com calma e pede a colaboração de todos aí em casa, vais ver que aos poucos chegas lá.
    Beijinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucia
      Obrigada por mais um comentário sábio! Sei que o destralhamento é base essencial para toda a organização e não contesto as suas vantagens...simplesmente, no meu caso acho que terá de ir por fases, como aliás parece que aconteceu contigo, o que me dá mais esperança de conseguir!
      Obrigada também pelas dicas preciosas incluídas no teu testemunho!
      Bom fim de Sábado para ti!

      Maria

      Excluir
  4. Olá Maria
    Como a Lu depende de mim para tudo, tenho que organizar-me antes do fim de semana se não ela passa o tempo a dizer "mãããã!!" e depois zanga-se e grita, enfim é um trinta um se não tenho tudo arrumado na 6 feira,para depois lhe poder dar toda a atenção.
    Beijinhos e boas limpezas :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem isso também tem um lado bom...quem me dera estar totalmente disponível para os meus a partir de sexta...é o meu objetivo, mas ainda não estou a conseguir!
      Beijinhos para ambas!

      Excluir
  5. Também eu sou responsável por toda a logística de arrumação e limpeza cá em casa, e faço um esforço enorme para ocupar apenas o sábado de manhã, pois vou fazendo algumas coisas durante a semana. Não é fácil e ás vezes só apetece deixar tudo por fazer. Acho que devíamos criar um movimento qualquer de defesa das mães que têm todas estas tarefas. Em relação ao destralhamento também tenho tido bons resultados, mais espaço livre, se bem que ainda me falta muita coisa. O próximo será o nosso quarto com certeza!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá e obrigada pelo comentário e a visita!
      De acordo com qualquer movimento que defenda as mães multitarefa como nós! É bom saber que não estou sozinha na luta da organização...e sim há dias em que apetece largar tudo e fugir...!
      Maria

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...