quarta-feira, 24 de julho de 2013

E perdoar???


Sim eu sei que não é fácil...que não é só dizer...que não é só querer...que perdoar não é esquecer...mas sei também como a mágoa guardada por muito tempo aprisiona o coração, enfraquece a alma, nos tolhe os passos...vai crescendo pouco a pouco ao ponto de nos deixar incapazes de viver em pleno o que de maravilhoso vier ao nosso encontro...! Por isso a minha proposta hoje é que perdoemos...primeiro a nós próprios o que houver para perdoar e há sempre muito...verdade??? Temos tendência a culpar-nos de muitas coisas na vida...as vezes que dissemos não e podíamos ter dito sim...as vezes que dissemos sim e se calhar era não...as vezes que tivemos medo e não empurrámos a porta entreaberta para entrar...as vezes que pelo contrário agimos por impulso e sem pensar...os dias perdidos sem tentar...as vezes que, sem saber como, demos connosco a magoar...!!! Mas vamos lembrar que somos apenas humanos colocados perante a grande aventura da vida à procura de acertar??? Vamos lembrar que hesitações, incertezas, atos falhados e erros são afinal formas de aprendizagem??? Que se erramos o caminho podemos voltar e escolher outro e mais outro e outro ainda... até encontrar????  Se o fizermos.. acredito que estamos prontos para nos perdoar e em seguida e de alma limpa partir para o perdão do outro...mais fácil se não esquecermos que a culpa nunca está de um lado só! E sim continuo a dizer...sei que não é fácil...mas vamos tentar...????
«Perdoar é um  atributo dos fortes» dizia Gandhi...e eu hoje quero lembrar-me das palavras desse homem sábio e ser forte também!!!

Bom dia e bem hajam!


31 comentários:

  1. Mas ás vezes é tão difícil :(
    Bom dia, beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade...mas é às coisas mais difíceis que depois de concretizadas damos mais valor...certo!!!!
      Fántástico dia!
      Bjs
      Maria

      Excluir
  2. Fizeste-me reflectir com tão verdadeiro texto.

    Sempre pensei assim...o erro não nasce só.

    Pesa mais de um lado que do outro.
    Tens razão dizendo que nos devemos perdoar para perdoar os outros.

    Custa...oh se custa, quando a mágoa é profunda.
    Penso que mesmo perdoando a "marca" fica sempre.

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabes...acho que na verdade não é preciso esquecer...perdoar é no fundo e de certa forma compreender e ao compreender desvalorizar a culpa...encontrar paz na memória do que se passou...marca sempre fica...mas podemos transformá-la em mais uma vitória por ter ultrapassado mais um desafio na vida!!
      Um dia fabuloso para ti!
      Bjs
      Maria

      Excluir
  3. Como dizes perdoar não é fácil, vem com o tempo, com a aprendizagem, muitas vezes perdoar é um acto de amor próprio, insistir em guardar mágoas é um peso que colocámos em cima de nós. A "culpa" raramente é só de um, por isso perdoar é um acto de libertação pessoal e do outro, e só livres podemos seguir caminho e ver a beleza de tudo o que nos rodeia.

    Um beijo enorme.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Precisamente perdoar é um ato de libertação...!!! E só livres conseguimos prosseguir!!!
      Um beijo também enorme para ti também Canca!
      Maria

      Excluir
    2. Oi Alice!
      Acho que deves estar contente por seres como és...perdoar não é fácil e que o faz com facilidade só pode ser especial e ter um grande coração. O que não invalida que possamos magoar-nos depois, concordo contigo que sim...mas pelo menos não somamos a mágoa presente a mágoas passadas não achas? Olha eu pelo menos acredito nisso!

      Ótimo dia !
      Beijinhos também para ti Alice!
      Maria

      Excluir
  4. Perdoar... sou eu no meu melhor.
    Fico zangada, aborrecida, triste. mas depois passa. E não guardo rancor.
    Fico melhor comigo própria. :)
    Às vezes chamam-me parva, mas tudo bem. Eles ficam com a opinião deles e eu fico com a minha :)
    Beijinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E sabes o que me apeteceu??? Dar-te um abraço bem apertado!!!!
      Bjs
      Maria

      Excluir
  5. Às vezes, ou na maioria delas, mais depressa perdoo os outros do que a mim. É um caminho que ainda tenho que percorrer. Sou demasiado exigente comigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo que é mais difícil perdoar a nós próprios do que aos outros...pelo menos a mim também me acontece...mas como dizes é um caminho que temos de percorrer!!!
      Bjs
      Maria

      Excluir
  6. Sei que saber perdoar é considerado um grande atributo para muitos. Confesso que sou uma pessoa que perdoo e esqueço com muita facilidade. Infelizmente com demasiada facilidade. acabo, muitas vezs, por ser magoada depois de perdoar. Portanto perdoar, nem sempre traz benefícios para a nossa alma.

    Mas contra a nossa natureza pouco podemos fazer.

    beijinho Maria

    ResponderExcluir
  7. Este texto hoje diz-me tanto...
    Obrigada pelas bonitas palavras. Vou ler de novo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada eu por passares para o ler...!
      Beijos
      Maria

      Excluir
  8. Eu perdoo, há pessoas que passaram na minha vida e me fizeram mal, fiquei zangada, algumas delas a vida fez questão de afastar de mim, posso não voltar a ver ou a falar com essas pessoas, mas cá dentro está tudo perdoado porque não guardo rancor de ninguém.

    Quanto às minhas pessoas, às que amo profundamente perdoo sempre na hora, não gosto de ficar zangada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também funciono assim com as "minhas pessoas"...amor incondicional é assim...quanto às outras tenho um tempinho de processamento mas depois disso consigo libertar-me das mágoas e acho mesmo que esquecer tudo...quanto a perdoar-me a mim...tem sido uma aprendizagem mas estou cada vez melhor ...e não desisto!

      Bjs
      Maria

      Excluir
  9. Respostas
    1. Em sintonia então...abraço amiga!!!
      Maria

      Excluir
  10. Gandhi tinha razão. Mesmo que por vezes, seja
    difícil é bom perdoar.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando perdoamos Irene, é como se partíssemos em liberdade depois de longo cativeiro...finalmente livres podemos recomeçar!!!
      Uma boa noite!
      Bjs
      Maria

      Excluir
  11. Ola Maria
    Que bela proposta minha querida
    Que bom seria se as pessoas tivessem um coração magnânimo e fossem capazes de perdoar. Mas para perdoar precisamos primeiro reconhecer nossos erros e falhas. Quando conseguimos nos perdoar estamos com o coração puro para perdoar àqueles que um dia tentaram nos fazer mal.
    Perdoo facilmente e não guardo mágoas. E como tenho um coração generoso vivo sofrendo com a inveja alheia. Mas Deus que é misericordioso perdoa as piores falhas e maledicências de pessoas que tentam sem sucesso nos ridicularizar perante nossos grandes amigos.
    Parabéns pelo post maravilhoso!
    Beijos com carinho e amizade
    Gracita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Gracita pelas boas palavras!
      Sei bem do poder da inveja e do sofrimento que provoca...muito sobre isso teria também a dizer...quem sabe em outro post um destes dias...Mas mesmo essa é aniquilada pelo perdão...e os corações que buscam o aperfeiçoamento acabam por conseguir a paz...Para você o meu carinho e a minha amizade!
      Bjs
      Maria

      Excluir
  12. Maria
    perdoar traz um alívio tão grande!
    beijos
    Zizi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Precisamente o que penso Zizi!
      Um bom final de dia!
      Bjs
      Maria

      Excluir
  13. Não é fácil, mas é muito preciso. Para nós e para os outros. Saber perdoar é muito importante.
    beijinho

    ResponderExcluir
  14. Eu costumo dizer que só me arrependo do que não faço, porque tudo o que fiz tornou-me na pessoa que sou hoje... e ainda existem tantas escolhas e caminhos a escolher durante a vida! Temos que nos saber perdoar a nós, mesmo.
    Eu perdoo os outros com alguma facilidade. Perdoo, esqueço e passo à frente. Até agora só não consegui fazer isso com 2 pessoas na minha vida, mas porque me magoaram tanto a mim e à pessoa com quem partilho a vida que, simplesmente, não consigo esquecer, nem perdoar. Principalmente por serem meus avós. Como neta, nunca esperei algo assim vindo deles. Ainda assim, os meus pais são os próprios a dizer que tive-lhes muito respeito... pois se eu não fosse assim, coração mole, podia ter feito pior. Apenas deixei de falar para eles, nem quero saber do que eles dizem de mim lá para Portugal... ainda assim, continuam sempre a chegar-me coisas aos ouvidos. Por isso mesmo, por saber que eles continuam assim, não merecem o meu perdão - e também nunca o pediram.

    Desculpa pelo desabafo. Tenho a mania de vir aqui para o teu cantinho deitar para fora os meus desabafos! :P

    Beijinhos*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E eu gosto tanto de te ver por aqui e da confiança dos desabafos...!!!
      Sim custa muito mais a perdoar aqueles que nos são mais próximos,de quem esperávamos incondicional amor e compreensão e não esperávamos traições ou más palavras...compreendo o que sentes...há casos em que o perdão é difícil!
      Bjs
      Maria

      Excluir
  15. Consigo perdoar, mas não consigo esquecer....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que não temos de esquecer tudo o que de bom ou mau se passa connosco faz parte do todo da nossa vida e da nossa aprendizagem...acho que não é preciso esquecer ..só transformar a lembrança em algo que já não nos magoa..!
      Abraço de urso??
      Bjs
      Maria

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...