segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Vidas cruzadas (Desafio Rostos da Diferença)





Temos connosco hoje no Desafio Rostos da Diferença, o querido amigo Emanuel do blogue Sonhador que nos leva invariavelmente em gratificantes viagens de sensibilidade, tornando cada visita uma experiência única. Podem duas vidas completamente diferentes partilhar por momentos o caminho...? Fazer desse encontro a diferença em cada um deles e ainda para quem o presencia??? Leiam então!


Naquele dia reparei num ser humano fantástico, parei por momentos o que estava a fazer para admirar tamanha bondade pelo outro ser sentado no chão pedindo esmola, deixei-me levar simplesmente pelas circunstâncias do momento, vi uma conversa amena entre os dois que falam por breves minutos, onde seus olhos irradiavam de parte a parte, uns minutos depois estende a mão e o levanta levando-o até ao outro lado da rua onde se situa um café, sentam-se os dois na esplanada o senhor pede para o servirem saciando a fome ao outro, no fim vejo então aquele abraço que me deixou comovido, neste dia este ser humano teve a sorte de lhe aparecer um anjo que lhe deu três coisas lindas da vida que certamente nunca mais ira esquecer, uma palavra, um gesto, saciou-lhe a fome. Este momento invadiu-me o pensamento e agora vejo que o ser humano ainda me consegue surpreender, e fez-me acreditar que todos nós temos um tesouro dentro de nós próprios, apenas precisamos de cultivar estes momentos únicos todos os dias para que brote do nosso interior tamanho brilho para que possamos contagiar o próximo, foi o que me aconteceu ao ver estes dois seres separados pelas circunstancias da vida, mas essa mesma vida que os uniu por breves instantes. Mas sinceramente senti-me pequeno porque aquela pessoa fez aquilo que eu não fiz, senti um vazio enorme ao olhar-me no espelho reparei que tenho tantas falhas porque não sou simplesmente perfeito, apenas procuro a razão do meu verdadeiro ser, porque sei que posso fazer melhor e tento fazer aquilo que posso infelizmente nem tudo e como muitas vezes imagino, mas certamente este momento marcou-me e somente eu conheço a verdade do meu coração, peço apenas que o meu coração me guie nesta caminhada para que seja sempre justo com todos, um abraço

Emanuel Moura


E aqui está um caso em que contei três rostos da diferença, os protagonistas da história que por certo marcaram para sempre o outro e o nosso narrador que refletindo sobre o que viu tirou conclusões e tomou decisões para a sua caminhada na vida...!

Bom dia e bem hajam queridos amigos...e obrigada pelas vossas participações!



51 comentários:

  1. Bom dia Maria.
    Em primeiro lugar quero falar do Emanuel,um ser especial,uma pessoa humana,e por ele se sentir assim,nós mostra mas uma vez a sua sensibilidade,quero também parabenizar ao nosso irmão em cristo pela sua humildade de estender a mão para o seu próximo,uma linda atitude, e ao que recebia também pela humildade de receber com gratidão.
    Enfim nessa nossa sociedade,estamos precisando de mais pessoas que façam diferença na vida de alguém.
    Uma linda semana a todos,que Deus possa abençoar abundantemente a vidas deste três rostos diferente.
    E a nossa rsrs,Uma linda semana Maria.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Mirtes, o Emanuel tem uma sensibilidade do tamanho do mundo e alguém muito especial que muito respeito...!!! Que a nossa semana seja uma semana abençoada!
      beijinhos
      Maria

      Excluir
  2. Que história linda, eu ainda acredito no ser humano.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também eu minha querida ...também eu!!!
      beijinhos
      Maria

      Excluir
  3. Ainda existem pessoas boas neste mundo, felizmente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda existem sim!!!! E fazem toda a diferença!
      Bjs
      Maria

      Excluir
  4. Histórias de uma vida real repleta de estórias...bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E de grande aprendizagem todas elas...não achas???
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  5. Uma história que muito me sensibilizou, A Humanidade
    (felizmente) ainda não está toda perdida.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E cabe a cada um de nós reproduzir estes gestos e criar uma rede de solidariedade, justiça e amor!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  6. São pessoas assim que nos fazem ter esperança e acreditar que um dia as coisas mudem e que todos possam viver num mundo melhor.
    Um bem haja a estes seres humanos que não viram a cara a quem precisa.
    Beijinhos amiga e uma boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O mundo está numa fase em que a mudança urge...como nunca...!!!!! Todos temos de lutar por isso...tenho muita esperança no nosso papel individual!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  7. Passando pra me atualizar e desejar uma linda semana!

    http://segundaeucomecooficial.blogspot.com.br/

    .......................(`'•.¸(`'•.¸UMA¸.•'´)¸.•'´)
    ...............(_¸.•'´(_¸.•'´ LINDA `'•.¸_)`'•.¸_)
    ..............(_¸.•'´)(_¸.•'´)SEMANA(_¸.•'´)(_¸.•

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Fram, pela visita e pelo gentil comentário, boa semana também para ti!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  8. Os gestos grandiosos e humanos não precisam de apresentação, de ser anunciados, tão pouco feitos à vista de todos. Mas sim, precisam ser sentidos, tocados com alma e falados com o coração. Quando vimos alguém estender a mão ao próximo, como referido no texto, existe a tendência de desvalorizar as nossas atitudes, porque naquele dia, naquele momento, naquela hora não atendemos aquele pedido de ajuda. No entanto, este texto surgiu, porque alguém reparou, parou, olhou e comentou um gesto que podia ser seu. Ora, vamos supor que ninguém olha, ninguém vê, ninguém fala. Ficava por ali mesmo. Só entre aqueles dois.
    Por isso, Emanuel cada um faz a sua parte, à sua maneira e de acordo com as suas possibilidades. A perfeição não é fazer o melhor, é fazer algo. E tu fizeste ao partilhar esta história.

    Maria, não sei se vou conseguir acompanhar a maratona, acho que já saltei alguns, mas vou tentar...:):):)

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É precisamente disso que se trata LIbel de cada um fazer a sua parte e de começarmos por nós e concordo plenamente quando dizes que aqui o Emanuel fez a sua parte...ao partilhar esta história foi ele o rosto da diferença...!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  9. Que rubrica linda, Maria! Isto, sim, é "fazer a diferença"!
    Um beijinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Miú, é tão importante que comecemos por nós....mas aqui os rostos da diferença são mesmo quem por aqui relata a sua história!!!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  10. Muito inspirador já agora hoje eu tenho a entrevista ao Pipoco Mais Salgado no meu blog passem lá!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Pipoca, obrigada pela visita...lá irei com gosto!!!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  11. Eu nesta fase da minha vida, acredito muito pouco no ser humano, a sério muito pouco me surpreende, este caso sim, mas reconheço que poucas pessoas teriam esta coragem, esta pessoa que o fez tem todo o valor para mim, estes sim são casos de ajuda sem nada em troca, só o prazer de fazer o bem.Bem haja!
    Beijinho amiga, desculpa a minha descrença no ser humano...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha querida Marina, não há porque pedir desculpa pelo que verdadeiramente sentimos...sei bem que há fases na vida em que a descrença nos invade...somos humanos a tentar acertar e avançar na vida e nem sempre é fácil...mas à medida que amadurecemos também sabemos que as fases têm principio e fim e penso que também percebemos a importância de fazer parte da mudança que urge fazer no mundo...E tu Marina no fundo acreditas sim....eu sei que sim vamos lá minha querida...agora descansas e depois avanças..! Tudo de bom minha amiga!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  12. Na minha opinião se o Emanuel ficou tanto admirado porque ele não fez para outra pessoa ou será que fez? Sabe as vezes fico indignada com algumas pessoas porque admiram os gestos dos outros, porém nunca praticam, ou quando fazem querem tirar fotos e sei lá + o que para mostrarem para os outros, sou contra isso. Sabe eu estou numa fase onde desconfio de TODOS, porém no meu coração e na minha vida pessoal ajudo quem eu nunca vi, seja com roupas, dinheiro, comida porém NINGUÉM VER, o faço e tento deixar isso no anonimato apenas eu e DEUS e as pessoas que ajudo sabem, prefiro assim.
    Então na minha opinião acho que sempre deveríamos nos colocar no lugar do outro, seja um mendigo, doente, ou uma criança vendendo no semáforo, ajudar sem olhar a quem.
    Desculpa meu desabafo
    http://www.jeitosimplesdeser.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Núbia, não há porque pedir desculpa pelo desabafo...há fases em que duvidamos de tudo e de todos e quem mesmo assim consegue fazer o bem como ele deve ser feito, anonimamente...é sem dúvida um rosto da diferença...é mesmo por tantos de nós estarmos duvidosos e descrentes das qualidades do ser humano que se justificam estes testemunhos que mais não são do que alertas para aquilo que todos podemos fazer e para que partamos de nós para um mundo melhor...O Emanuel é uma pessoa especial sensível e generosa, a sua reflexão por certo deu os seus frutos e o seu testemunho aqui é também uma forma de fazer a diferença...E sim minha amiga...fazer o bem sem olhar a quem é o caminho!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
    2. Amiga Núbia eu pratico e com muito gosto se a coisa que a vida me ensinou foi primeiro que tudo o amor ao próximo ,poder partilhar sem olhar a quem e depois agradecer tudo o que a vida me deu ,sabe vou-lhe contar um pouco da minha historia de vida ,cresci numa família grande e pobre coisa que não tenho vergonha de dizer mas tenho um orgulho enorme de ser criado com muito amor ,fui um menino que aprender a ser homem rápido porque as necessidades eram muitas ,estudei e um dia fui para a marinha ,quando a vida se compunha aos 20 anos fiquei sem nada porque a natureza foi-me madrasta e me levou tudo fiquei apenas com a roupa do corpo,mas a coisas que a vida não me tirou ,o amor e a vontade de recomeçar de novo Quando aconteceu este momento tocou-me pessoalmente porque ali vi um extraordinário ser humano que me fez ser pequeno perante tal gesto ,porque este gesto me fez crescer ainda mais que aquilo que eu sou ,sei o meu valor ,mas também sei que muitas vezes somos demasiados pequenos perante os outros .Sabe Núbia por mais que eu faça sera pouco perante a vida e o próximo ,um dia precisei ,hoje ajudo ,amanha não saberei ,apenas sei que a vida e bela mas ao mesmo tempo pode ser bastante cruel ,muitos beijinhos Emanuel

      Excluir
    3. Se já o admirava Emanuel...admiro-o agora ainda mais!!!!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  13. adoro ler estas participações :)
    Boa semana Maria *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Maria, pelo carinho e pela companhia!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  14. Por vezes assistimos a cenas que nos obrigam a repensar a nossa vida e o nosso egoísmo. Infelizmente a indiferença, o egoismo e porque não dizê-lo a falta de coragem fazem com que não vejamos aquilo que não queremos ver, ou seja os que precisam de nós.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Elvira , por vezes é mais cómodo olhar para o lado...quando o não fazemos somos obrigados a refletir e atuar...não são só os mais desprotegidos que precisam de nós...nós precisamos de que o mundo mude e temos de participara na mudança!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  15. Já perdi a conta à quantidade de vezes que já fiz isto! E farei sempre que o meu coração mandar!!! Por muito "pobre" que esteja Deus há-de sempre ajudar-me a ajudar! (Faxabor vai lá casa ao post sobre a Margulies e dizer que a minha Maria ACHA que eu devo ter um bocadinho de cada uma...percebes?...só por isso é que não pude publicar:))) jinhooooossss mi amor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tenho qualquer dúvida de que o tenhas feito...também o fiz jáo fiz muitas vezes mas mais rapidamente do que o desejaria, falhou-me a calma para a companhia...mas não será assim na próximas vez ....! Beijinhos querida amiga!
      Maria

      Excluir
  16. Olá Maria.

    Que bela forma de começar a semana.

    Lendo uma história humana que tocou 3 pessoas.

    Belo exemplo do que não fazemos no nosso dia a dia!

    Vale a pena reflectir sobre a sua postagem

    Obrigado pela partilha.

    Beijinhos e boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ideia é que da próxima oportunidade pensemos duas vezes e optemos pela diferença...!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  17. Respostas
    1. Sim e um exemplo para todos nós...verdade???
      beijinhos amiga
      Maria

      Excluir
  18. O Emanuel tem uma sensibilidade incomum.

    Bela iniciativa, minha querida.

    bem Hajas!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo em absoluto!!! Saudades amiga...obrigada pelo carinho!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  19. Respostas
    1. Verdade amiga!!!
      beijinhos e boa semana.
      Maria

      Excluir
  20. Histórias de vida que enriquecem a nossa vida.

    ResponderExcluir
  21. Oi Maria, vim retribuir sua visita..adorei seu blog :)
    Estou seguindo. Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem vinda Danielle, obrigada pela visita, pelo amável comentário e por ter ficado por aqui!
      beijinhos
      Maria

      Excluir
    2. Querida amiga Maria peço desculpa so hoje estar a comentar mas foi de propósito para poder ler os comentários das pessoas extraordinárias que desde já agradeço do fundo do coraçao .Maria muito obrigado pelo momento ficou lindo e pelas suas palavras que tanto admiro e agradeço ,muitos beijinhos Emanuel

      Excluir
    3. Sou eu quem agradece e muito...por tudo!!!
      Beijinhos
      Maria

      Excluir
  22. Por vezes seguimos apenas a razão e nem sempre ela nos leva na melhor direcção nem nos permite tomar as melhores decisões.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que por vezes seguimos rapidamente em frente para não termos sequer de pensar muito...não achas???
      beijinhos
      Maria

      Excluir
  23. Gostei muito. Mesmo. Da situação em si e também da forma, sentida, como é descrita pelo Emanuel. De facto, e como ele tão bem diz, "todos nós temos um tesouro dentro de nós próprios" e apenas temos de o descobrir para que o possamos revelar aos outros... Beijinho grande para ti Maria, para o Emanuel e para esse "rosto da diferença" que nos deixou a pensar....

    ResponderExcluir
  24. Gostei muito deste relato,
    muito tocante.

    Beijo

    ResponderExcluir
  25. Uma história muito bonita. Ainda há bons samaritanos. ;)
    beijinhos

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...